Define-te Rita… | Prefiro desenhar-me…

Ontem fui entrevistada por uma aluna do Mestrado de Comunicação de Ciência, para a disciplina de Jornalismo de Ciência e Tecnologia. A Carolina Figueira tem que escrever o meu perfil. Estivemos bastante tempo à conversa sobre o meu passado, o que tenho feito na Vida por aí. Ela vai falar com algumas pessoas muito importantes da minha vida pessoal e profissional para compor o seu trabalho.

Estou um bocado nostálgica hoje.

Tenho saudades tuas Pata. Não sinto falta nenhuma dos tempos de garotas e do início da vida adulta, mas tenho saudades nossas, das conversas noite dentro sobre quase tudo, de rirmos tontas de coisas que só nós percebíamos. Tantas vezes não precisavamos de falar, bastava um olhar e sabíamos o que estavamos a pensar.

Durante a entrevista, a Carolina pediu-me para eu me definir. Respondi-lhe que preferia desenhar-me! Fiz um desenho muito à pressa e muito feio no caderno dela. Vim para casa pensar nisso e hoje de manhã criei este desenho digital que é o novo logo para o meu blog dos Rabiscos de Ideias, o Papiro Gráfico, que anda ainda mais quieto do que este blog, mas isso vai mudar em breve.

Rita Caré - Ainda não acabei de pensar nisso... 22 Nov 2017

Não sei se eu e a Pata realmente compreendemos o que significa que “eu ainda não acabei de pensar…” Nunca vou acabar de pensar nisto, naquilo e em tudo o que me interessa e me apaixona, por exemplo: de onde viemos, para onde vamos…?

A Pata nem sempre compreende porque é que eu perco o meu precioso tempo a pensar “demais”, mas aceita-me como Sou. Talvez seja das poucas pessoas que me aceita como sou, a Tita.

 

Anúncios

5 opiniões sobre “Define-te Rita… | Prefiro desenhar-me…”

  1. Que bonita esta tua partilha! Também fiquei nostálgica ao ler-te. É bom termos saudades dessas amizades, dessas conversas, desses momentos. Fizeste-me pensar numa amiga que tive, e éramos assim. E, apesar de vivermos no mesmo prédio, também escrevíamos cartas, que entregávamos uma à outra de manhã quando íamos a caminho do colégio! Tínhamos sempre alguém que nos levava ao colégio e as nossas irmãs, que procuravam sempre saber de que falavam as mais velhas. Um abraço.

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s