Upgrade dos FotoSketchers 2 Linhas para FotoSketchers 2.0 – Encontro virtual 19 Abril 2020, 17h

Encontro FS 2.0 - 19 Abril 2020Encontro virtual FotoSketchers 2.0
19 Abril 2020, 17h.

+ Informação no Evento do Grupo do Facebook (privado)
ou pedindo para o e-mail – fotosketchers2.0@gmail.com

………

O grupo FS 2.0 | FotoSketchers 2.0 é um grupo informal e amador, criado em Abril de 2020, que organiza encontros para explorar Museus e Eventos Culturais online, através de diferentes formas de arte. Por exemplo: desenho digital ou analógico, pintura digital ou analógica, colagens, escultura com barro, plasticina ou blocos…

Para participar não é necessário ser “artista”, nem saber desenhar, pintar ou esculpir. O que é mesmo necessário é trazer sorrisos e boa disposição para os encontros!

O grupo FotoSketchers 2.0 surgiu do grupo FotoSketchers 2 Linhas, que existiu de Maio de 2015 a Abril de 2020.

#VirtualJumpSketch ao Museu Dalí com os FS 2´´

Incrível visita virtual rabiscada ao Museu Dalí. Desde o “carro-chuva” até ao Beethoven pintado com tinta de polvo e os próprios polvos é todo um mundo surreal para descobrir…

Visita FS 2´´ ao Aquário Vasco da Gama muito fotografada e pouco rabiscada, com Lego

Não me diverti assim tanto com Lego no Aquário Vasco da Gama, como imaginava, por isso tenho que lá ir novamente com mais do que um mergulhador e uns peixes construídos com os tijolos mais famosos do planeta  ;-)

As fotos não têm grande qualidade porque lá vive-se no escurinho…
Do que mais gostei foram das raias bebés, do charroco bisbilhoteiro e dos peixes apara-lápis sempre a viver de cabeça para baixo sem que lhes doa a cabeça!

Desenhei muito pouco mais gosto de quase todos os rabiscos do peixe-lua, acho que um Albatroz, o Rei D. Carlos I e uns tubarões e outros peixes das profundezas, as famosas raias bebés, um ovo de raia e os adoráveis peixes apára-lápis.

Newsletter | Forky, prioridade aos SketchNotes, Anatomia em Lego, FS 2´´ em Cascais amanhã…

. Cão e Árvore abstracta Lego
. Forky, um herói com dúvidas existenciais
. Prioridade aos rabiscos analógicos na fase inicial de projectos
. Crónicas de livros viajantes
. Como bem usar canetas-de-feltro
. Trevo
. Vamos amanhã desenhar para Cascais com Vela
. Anatomini e a História da Lego
. O papel político das organizações culturais

Ler a Nova Newsletter Papiro papirus – Ainda não acabei de pensar nisso

Subscrever para receber via e-mail 
Edições anteriores

1 Set | Encontro de Fotos e Rabiscos de barcos à vela, Cascais

Rei D. Carlos I, Cascais

O próximo encontro do grupo FotoSketchers 2 Linhas é na Marina de Cascais, com o ponto de encontro a começar no Museu do Automóvel – Motor Passion Museum, com paragem na estátua do Rei D. Carlos I e partilha à porta da Livraria Dejá Lu, dentro da Cidadela de Cascais.

Rei D. Pedro V, Cascais by Rita Caré 2019
Rei D. Pedro V, Cascais

Quando não se é bem-vindo fica-se muito bem na rua em Belém

Sonhei com desenhos das lâmpadas em exposição no antigo Museu da Electricidade durante três ou quatro semanas e em desenhar o primeiro carro eléctrico em Portugal.

Mas isso não aconteceu, porque quando uma pessoa não se sente bem-vinda não deve ter problemas em “dar de frosques”. Ai não me deixam entrar com o banquinho dos rabiscos? Então, adeus!

Sobraram os pensamentos positivos, os riscos sorridentes e tagarelas. Não digam a ninguém, mas a falta dos cabos na Ponte 25 de Abril não foi obviamente de propósito ;-)


A passagem sucessiva de barcos à vela mesmo à nossa frente foi mote para desenho cego e de linha contínua. Um exercício muito livre, sempre com resultados agradavelmente surpreendentes.

E assim foi no último encontro dos FotoSketchers 2 Linhas no agora MAAT, que já foi o antigo Museu da Electricidade. Tiram-lhe o nome, adicionaram 5 euros à antiga exposição permanente (antigamente gratuita), na qual já não podemos entrar com a nossa mochila, nem de banquinho de rabiscos. Com tanta “fofura”, fiquei cá fora e muito melhor, porque me constou que lá dentro estava abafado. A EDP deve ter dificuldades em pagar a conta da electricidade, por isso nada de colocar ar condicionado. Deve ser para que os visitantes não fiquem lá dentro muito tempo no Verão…

Só me apetece dizer cenas que podem mesmo ser disparates e má língua, mas não consigo esperar coisas muito boas de um museu que se fez inaugurar e reinaugurar várias vezes… Se fizesse com que os visitantes se sentissem abraçados e bem-vindos, não precisariam de reinaugurações.

Nem sequer nos levantámos para ir ver a cara do edifício novo que parece a boca de tubarão… Não nos fez falta nenhuma.

Pronto, pronto, já passou… Mas não me apanham por aquelas bandas enquanto me lembrar disto que aconteceu.

Rabisco do Piquenique no Campo Grande

Os FotoSketchers 2 Linhas organizaram um piquenique no Campo Grande, por entre duas das vias de trânsito mais ocupadas da cidade. Mesmo no fim-de-semana passam muitos carros, mas ouvem-se lá ao longe. Na última remodelação dos jardins foram criadas elevações nos relvados. Junto ao antigo edifício do Caleidoscópio e a cidade parece distante.

Conversou-se muito mais do que se rabiscou ou fotografou, mas esse é mesmo o espirito do grupo =)

Árvores no Jardim do Campo Grande, Lisboa - by Rita Caré 2019

Próximo encontro FS 2´´ no M.Electricidade e MAAT | 18 Ago | Lisboa

Rabisco de 2015 no Museu da Electricidade num dos meus workshops

Encontro dos FotoSketchers 2 Linhas 
no Museu da Electricidade e no exterior do MAAT

18 Agosto 2019 (Domingo), Lisboa

+ Informações


Funcionário colonial, Mali – MNEtnologia

A Felicidade do difícil e o desapontamento por afinal não ser o D. Quixote… perdi o romantismo do desenho a meio…

A Felicidade e a Tristeza de usufruir da possibilidade de limpar o chão esticando-me por ali e de um museu às moscas…

Museu Nacional de Etnologia by Rita Caré 2019

Preferia não ter o Museu Nacional de Etnologia às moscas e ficar inibida com a curiosidade dos visitantes pelos rabiscos que fazemos… Este Museu é dos preferidos dos sketchers, porque os seus objectos parecem mágicos, saídos de contos de fadas em terras longínquas. É muito intimista e poético.

Tudo isto se passou num dos últimos encontros do FotoSketchers 2 Linhas no Museu Nacional de Etnologia, em Lisboa.

Cartaz digital para o Encontro FS 2´´ no Museu Geológico

Desde o principio do ano, tenho este projecto de criar imagens digitais. Os cartazes para os encontros do grupo FotoSketchers 2 Linhas são um excelente exercício. Para os criar inspiro-me em fotografias e em desenhos já criados, meus ou de outros membros do grupo ou de autoria dos museus ou outros espaços culturais a visitar.

Para o encontro no Museu Geológico, em Lisboa, inspirei-me em desenhos da Teresa Ogando e da Marilisa Mesquita.

Ando a tentar trabalhar com fundos negros, mas parece-me que vou seguir o conselho da Marilisa e passar a usar fundos brancos ou muito claros, porque resulta melhor para divulgar nas redes sociais. Um bom exemplo, parece-me ter sido um dos cartazes anteriores.

Rabiscos digitais para o Encontro FS 2´´ no Museu do Dinheiro

Amanhã, 2 de Fevereiro de 2019, há encontro no Museu do Dinheiro, em Lisboa, com os FotoSketchers 2 Linhas!

Vamos?

Para criar o cartaz do encontro rabisquei a barra de ouro do cofre do museu e a porta da entrada do edificio, que foi uma igreja, agora transformada, através de uma incrível obra arquitectónica.

P.S. Não encontrei uma única foto da porta do museu…. tive que me adaptar com as perspectivas do edificio disponíveis por aí…

Se é um Sketch é um Rabisco, não é um Desenho…

Cada um é livre para fazer o que lhe apetece nos encontros de Urban Sketching, mas há quem vá para estar ali horas a desenhar o mesmo objecto/vista/perspectiva na mesma mesma dupla página ou na mesma folha de papel, a criar desenhos super-hiper detalhados…

Definição de Sketch na Wikipedia

Sketch traduz-se esquisso, ou seja, um Rabisco. Um Sketch não é um Desenho, porque é suposto ser um preliminar e não um Desenho em si, ou seja, terminado.

Do meu ponto de vista um encontro de Urban Sketchers é para nos descontrair, rabiscar, dizer imensos disparates, comer calorias, apanhar sol, divertir, manter a mente saudável… Também podemos tirar fotografias uns aos outros para mais tarde recordar (se calhar talvez devêssemos tirar muito mais fotografias do que tiramos…)… digo eu, provocadora como sou, deixo aqui os meus pensamentos que me vieram à mente, porque descobri hoje a definição de Sketch” na Wikipedia.

Um Sketch pode ser uma obra de arte? Claro! Do meu ponto de vista, claro. E pergunto, o que é uma Obra de Arte? Sim…? O que é isso?

Já respondi ALI há muitos anos e não mudei de opinião.

Sobre o que é Urban Sketching e o que não é… ou supostamente… ou assim…

Rabiscos de Ciência no Instituto Gulbenkian de Ciência

No Dia Aberto 2018 do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC)  da Fundação Calouste Gulbenkian, o grupo FotoSketchers 2 Linhas tiveram visitas guiadas  com a investigadora Joana Carvalho a laboratórios que se dedicam à descoberta do desconhecido sobre desenvolvimento, evolução e biodiversidade. Observámos duas espécies “Top Model” do IGC, moscas do vinagre e borboletas. O grupo da tarde visitou o biotério das moscas.

Visitar um laboratório onde se trabalha todos os dias é uma uma experiência muito interessante.

Os investigadores são pessoas muito criativas. Olhem o que desenharam com o musgo. Reparem nestes detalhes no laboratório. O sentido de humor e o espirito critico sempre presentes!

 

Do risco mínimo para a “Ópera Chinesa”

Rita Caré, Papiro papirus, Traje dos Remendos, Museu do Oriente, Ópera Chinesa, Exposiçao, Lisboa, Urban Sketching, Desenho,
Traje dos Remendos na Exposição “Ópera Chinesa”, Museu do Oriente

No encontro dos Foto e Sketchers 2 Linhas, organizado no Museu do Oriente, a roupa que mais me impressionou na exposição “Ópera Chinesa” foi esta, pela sua aparentente humildade, através dos remendos cosidos. Mas este design foi criado propositadamente e apresenta-se muito luxuoso. A sua grande simplicidade de linhas e as cores atrairam-me imediatamente o olhar.

Rita Caré, Papiro papirus, Instrumentos Musicais, Disco de Vinil, Museu do Oriente, Ópera Chinesa, Exposição, Lisboa, Urban Sketching, Desenho,
Instrumentos musicais, disco de vinil e fantoche, na exposição “Ópera Chinesa”, no Museu do Oriente

Na parte mais interessante da exposição encontrei alguns instrumentos musicais fascinantes, uma colecção de discos de vinil com capas maravilhosas. E o mais giro de tudo, existia uma caixa azul, com buracos circulares, para espreitarmos lá para dentro, onde encontrávamos fantoches, outros brinquedos e jogos. Para verem fotos desses objectos da “Ópera Chinesa”, visitem os posts no blog dos FS 2´´.

Dei ainda com diários gráficos criados para preparar as peças de teatro.

 

 

3 ANOS de Foto& Sketchers 2 Linhas!! E um balanço…

Logótipo do grupo Foto&Sketchers 2 Linhas (FS 2´´)
PARABÉNS A NÓS, Foto&Sketchers 2 Linhas!!
 
Em Maio de 2018, o grupo Foto&Sketchers 2 Linhas celebra três anos de existência! 

Não existe uma data muito específica de aniversário, porque a ideia surgiu, algumas pessoas falaram sobre o assunto e criei o blog e este grupo nessa altura. O primeiro encontro foi organizado no dia 31 de Maio de 2015.

Tem sido cá uma Viagem esta!
APLAUSOS E SORRISOS!!
 

Obrigada a todos os que apoiaram a ideia dos Foto&Sketchers 2 Linhas e que têm ajudado a tornar este grupo uma realidade. O nosso grande lema é a PARTILHA E A PROMOÇÃO DA AMIZADE. É uma grande emoção ver tanta gente entusiasmada em participar nas actividades que promovemos, sempre como Voluntários.

Sinto dois “Senãos” no desenvolvimento deste grupo ao longo tempo:

1 – A maioria das pessoas não se têm sentido entusiasmada pela reportagem fotográfica. Mas relembro que este grupo promove também a fotografia, com smartphone ou com máquinas fotográficas super-profissionais. O que interessa é explorar a fotografia como mais gostarem.

2 – A maioria das pessoas não partilha os seus desenhos e fotografias, mas PODE se lhes apetecer, tanto aqui no grupo do Facebook, como no Instagram com a hashtah:
#fotosketchers2linhas. Há ainda a possibilidade de publicarem no blog dos FS 2´´.

Faço notar também três aspectos:

. Ultimamente, têm sido organizados poucos encontros fora de Lisboa, ou seja, nos outros Concelhos que estão nos nossos objectivos: Cascais, Oeiras, Sintra e Amadora. Mas isso irá mudar em breve. Notem que a organização dos encontros depende sempre da disponibilidade e motivação de quem os organiza.

. Há muito tempo que não organizamos um evento durante a semana.

. Há muito tempo que não fazemos uma Expedição a um evento alheio.Por isso, anunciamos que na penúltima semana de Maio (em 24 ou 25 – ainda temos que confirmar a data) iremos promover uma expedição a um evento de organizado por outra Pessoa e Organização que nos são muito Estimadas. Dessa forma celebraremos a Partilha, a Amizade e o que tanto gostamos de fazer: reportagens fotografadas e desenhadas!

Para saberem mais sobre o grupo Foto&Sketchers 2 Linhas, os nossos objectivos, quem somos, a nossa história, explorem a informação da barra lateral do blog e visitem as secções:

 

 

Desenhos-cegos no Encontro FS 2´´ no Bar Irreal

Mais uma vez enfrentei a dimensão A3. É enorme e assustador desenhar, mesmo com desenho-cego, num tamanho tão grande. Estou muito  surpreendida com os resultados.

Também usei esta técnica, porque neste encontro dos Foto&Skethers 2 Linhas (FS 2´´) estava uma convidada especial. Assim demonstrei-lhe como é possível conseguir resultados imediatos e motivadores desenhando desta forma.

Desenho pequeno da convidada Carolina Figueira.

 

Usei outra técnica muito charmosa para desenhos rápidos. Alguém me sabe dizer qual é essa técnica?

Ao tentarmos arranjar forma de explicar este vício dos rabiscos, concluimos que se pegam como os fungos dos pés… Acho uma analogia mesmo muito boa, pois mostra o significado e a força que o Desenhar ao vivo e em grupo tem nas vidas de quem o pratica.


O meu post com mais histórias sobre este encontro no blog dos Foto&Sketchers 2 Linhas

 

 

Desenhar à chuva…

Rita Care - Desenhar a chuva - Santarém, 25jun2017 - Foto on location

Há dias que andamos a enrolar, a enrolar… Olho para o trabalho dos outros, converso… Na maior parte desses dias a produtividade é nula. Às vezes acontecem-me desenhos maravilhosos, não tanto pela qualidade, mas pela forma como ressoam em mim.

No último encontro dos Ribatejo Sketchers andei a enrolar todo o dia, mas começou a chover e abriguei-me por baixo de umas árvores frondosas, num banco de jardim muito a jeito da situação. Sentei-me a preguiçar mais um pouco, a apreciar a dedicação da Patrícia e da Mónia, protegidas apenas por um minusculo guarda-chuva vermelho. Olhei para a minha preguicite e perguntei-me do que estava à espera para “caçar” aquela imagem no meu caderno…

Este rabisco foi desenhado no Miradouro de São Bento, no último encontro dos Ribatejo Sketchers, em Santarém. Tornou-se assim inesquecível, cumprindo o principal propósito que tenho para a minha vida rabiscatória: ter significado.

Rita Care - Desenhar a chuva - Santarém, 25jun2017 - Foto

 

Nas contas explosivas com a vida e a Fábrica da Pólvora de Barcarena

No final de Maio de 2017, o grupo Foto&Sketchers 2 Linhas, que coordeno, celebrou 2 anos de existência e 50 actividades. Isto significa que muitas dessas actividades foram concretizadas quando escrevia a minha tese de mestrado… Nunca desisti da sua organização, porque nas dores desse trabalho, os encontros e as expedições de rabiscos e de fotografias foram o meu balão de oxigénio.

Entreguei a tese em Abril de 2016 e discuti só no Outono… Ainda hoje sinto que foi o maior desperdicio do meu tempo e do tempo da minha orientadora e também do meu dinheiro… Mas foi feito e pronto. Fico muito feliz por não ter abandonado as minhas actividades lúdicas em prole de algo que sinto jamais me servirá para o que quer que seja, com excepção de ficar a saber exactamente o que não quero para mim.

Para que é que ainda penso no assunto passado estes meses? Porque estou a ajustar contas à vida. Faço sempre um balanço, mesmo que inconsciente, na altura do meu aniverário. Vou fazer 41 anos e sei cada vez melhor que não quero perder tempo com aquilo que não serve para nada e com pessoas que não tem nada para me ensinar nem que têm abraços para me dar!!

Este post espelha o meu estado de espírito um pouco explosivo, mesmo a calhar com o tema da 50ª Actividade dos Foto&Sketchers 2 Linhas, um encontro na Fábrica da Pólvora de Barcarena, em Oeiras.

PUMMMM!!!

Agora, mais vale focar-nos só nas estrelas deste primeiro desenho com PENSAMENTOS POSITIVOS ;-)

Mais rabiscos e fotos desse encontro AQUI

Rita Care - Fabrica Polvora - 21mai2017 (1) - 1024

Rita Care - Fabrica Polvora - 21mai2017 (2) - 1024

 

Aquário Vasco da Gama e a bicharada do Rei-Cientista-Pintor

 

Rita Care - AVGama - 5 Mar 2017 (8)
Aquário de Pimpins, Cartas e Peixes-aranha

 

Mais uma vez o Aquário Vasco da Gama neste blog… e o Rei-Cientista-Pintor D. Carlos I…
porque é uma mútua profunda Paixão pela ciência, pelo mar, pela sua divulgação, pelo desenho, pela pintura… Isto deve ser mais Amor, porque senão já tinha mandado tudo para outro lado…

Nas idas ao Aquário Vasco da Gama tenho ultrapassado as minhas próprias expectativas rabiscatórias, porque inspirada pois claro. Não me lembro se alguma vez preenchi cinco duplas páginas num encontro de 3 horas. Gosto muito dos desenhos a linha. Gosto mesmo muito. Os peixes cómicos já foram feitos em casa.

Estive tantos anos sem lá ir e em pouco mais de 13 meses foi a quarta visita. Nesta última vez a grande “desculpa” foi a prevista libertação para breve da “tartaruga das caretas” (ou tartaruga-bobo ou Caretta caretta) para uma vida oceânica. Foi uma celebração do grupo de fotografia e desenho urbano Foto&Sketchers 2 Linhas.

 

Tirei algumas fotografias que estão AQUI.

Os desenhos e fotografias publicados
na 1ª e 2ª visitas do grupo Foto&Sketchers 2 Linhas
ALI e ACOLÁ